OK

OK Cancelar

Obrigado

Fechar

Pele mais flácida na menopausa: o que acontece ao colagénio?

A pele na menopausa sofre alterações como a perda de colagénio. Descubra que modificações podem surgir e como lidar com elas.

Pele mais flácida na menopausa: o que acontece ao colagénio?

É natural que, ao longo dos anos, o seu rosto se vá modificando e que os sinais da idade vão ficando mais evidentes. O facto de se conhecer cada vez melhor faz com que também saiba tirar mais partido dos traços de que mais gosta e que quer evidenciar, sentindo-se cada vez mais bonita e confiante. Ainda assim, e por muito que o passar do tempo se traduza em inúmeros aspetos positivos, é certo que com a menopausa a pele tende a ficar mais flácida. Mas porque é que isso acontece?

O que acontece ao colagénio da pele?

Durante a menopausa, o colagénio diminui em cerca de 30% nos primeiros 5 anos e decresce 2% nos seguintes 20 anos. É por isso que logo no início se sente uma queda abrupta e, com ela, as consequências visíveis na pele. De facto, com a perda de colagénio, a pele perde também a sua firmeza, acentuando cada vez mais as rugas e os poros dilatados.

A razão principal para a flacidez na pele durante a menopausa está geralmente relacionada com a perda abrupta de colagénio que, consequentemente, provoca também outras mudanças.

Que outras modificações ocorrem?

A par da perda de colagénio, existem outras alterações com impacto na pele, que acabam por ser impulsionadas por esta. São exemplos a degradação progressiva do ácido hialurónico na derme, tornando-a mais seca e áspera, devido também à perda de elasticidade, menor capacidade em manter a hidratação e, eventualmente, alguma perda de firmeza. 

Estas mudanças físicas estão associadas a um envelhecimento global das três camadas da pele (epiderme, derme e hipoderme), sendo perfeitamente normal que também a note com menos densidade, já que existe uma redução massiva da espessura do seu tecido, tornando difícil, em última análise, que  mantenha as suas propriedades mecânicas e de barreira protetora.

Como lidar com este processo?

É importante lembrar, como referimos no início, que esta é uma fase natural, bem como as alterações que dela advêm. Todavia, cada pessoa lida com a menopausa de forma diferente e, se alguma das mudanças que acarreta a deixarem menos confiante, saiba que existem várias opções! Para além das intervenções cirúrgicas e/ ou tratamentos não invasivos, há várias outras soluções mais suaves que a poderão ajudar num primeiro momento, como mecanismos de prevenção para desacelerar estas mudanças. Tome nota:

  • Se for o seu caso, deixe de fumar e reduza a ingestão de álcool;
  • Opte por uma rotina de cuidados de pele específica para pré e pós-menopausa;
  • Inclua sempre no seu dia a dia protetor solar com um FPS elevado e resistente à água;
  • Adopte uma dieta saudável e equilibrada;
  • Pratique exercício físico regularmente, mesmo que seja com uma caminhada. O importante é ser regular.

Outros artigos sugeridos

go to top

Skinconsult

ALGORITMO DE ENVELHECIMENTO DA PELE DESENVOLVIDO COM DERMATOLOGISTAS

1 minuto
para analisar
a tua pele

Tira uma selfie

Preenche o perfil

Descobre a tua rotina de skincare personalizada

v_woman.jpg
Linhas finasA tua força
Rugas dos
olhos
A tua prioridade
Falta de firmeza

Descobre
skinconsultai