OK

OK Cancelar

Obrigado

Fechar

Segment : ART_SEG_HUB_NEOVADIOL_5

Menopausa: o que fazer relativamente à secura vaginal?

  • Favoritos

Agora, que está na menopausa, está a experienciar alterações no seu corpo, como a secura vaginal; será que este sintoma precisa de ser tratado ou desaparece? Existem soluções temporárias, existem tratamentos. Vamos recapitular?

Menopausa: o que fazer relativamente à secura vaginal?

A secura vaginal ocorre apenas durante a menopausa?

As causas de secura vaginal podem variar entre fatores fisiológicos, tais como alterações hormonais ou efeitos adversos causados pela medicação, a questões emocionais e psicológicas, como a falta de desejo ou mesmo ansiedade. Felizmente, a causa não importa, a secura vaginal tem uma solução. Mas o mais importante é falar sobre isso, com o objetivo de descobrir a fonte do desconforto.

Por que razão ocorre secura vaginal durante a menopausa?

Apesar de 25% a 50% das mulheres apresentarem estes sintomas e sentirem os efeitos negativos na sua qualidade de vida e na sua função sexual, as mulheres permanecem reticentes na hora de pedir aconselhamento médico (1).

A secura vaginal é um sintoma muito frequente nas mulheres na menopausa. Muco vaginal – sensível às alterações na secreção de hormonas de estrogénio – fica progressivamente mais ligeiro e perde a sua elasticidade, nomeadamente devido ao declínio nos níveis de colagénio e de tecido adiposo. A secura vaginal aumenta ao longo dos anos, e resulta numa sensação de queimadura, irritação, dor durante o sexo ou infeções. Também contribui para problemas urinários.

25 a 50% das mulheres apresenta secura vaginal durante a menopausa

Existem diferentes soluções: se um tratamento hormonal for prescrito, contribuirá para minimizar a secura vaginal. Os tratamentos locais baseados em estradiol, como óvulos vaginais, anéis ou cremes são eficazes. Se um tratamento com estrogénio não é procurado ou aconselhado, os lubrificantes e os hidratantes vaginais podem reduzir os sintomas temporariamente. Recentemente, a vitamina E tem sido utilizada para melhorar a secura vaginal. No entanto, estes tratamentos locais são soluções temporárias e perdem o seu efeito quando o utente deixa de aplicá-los.

A secura vaginal é um sintoma comum e frustrante, mas existem diferentes formas para aliviar o desconforto adjacente. Se a falta de lubrificação está a tornar a sua atividade sexual dolorosa, não se esqueça de falar com o seu médico sobre todos os tratamentos possíveis.

Pontos-chave para relembrar

Verdade: a secura vaginal é um sintoma da menopausa Dicas: os tratamentos hormonais, os lubrificantes, e os hidratantes vaginais serão excelentes aliados se os utilizar diariamente e a longo termo.

Fonte:


1. Pastore LM, Carter RA, Hulka BS, Wells E. Self-reported urogenital symptoms in postmenopausal women: Women’s Health initiative. Maturitas. 2004; 49(4):292-303.

go to top