OK

OK Cancelar

Obrigado

Fechar

Falta de vitamina E como consequência da menopausa: como evitar

Com a idade e especialmente com a menopausa o corpo tem dificuldade em manter algumas vitaminas. Veja como pode evitar a falta de vitamina E.

Falta de vitamina E como consequência da menopausa: como evitar

Sabe o que é que a Vitamina E pode fazer por si?

Reconhecida pelas suas propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, a Vitamina E tem, no organismo, um papel fundamental no metabolismo e proteção das células (particularmente das membranas celulares), sobretudo dos efeitos nefastos dos radicais livres. Destaca-se ainda pela sua ação na função imunitária, sendo importante para a produção de glóbulos vermelhos. 

Pelas funções que assume, é uma vitamina particularmente relevante também no pós-menopausa, sendo frequente vê-la integrada  em séruns ou cremes anti-aging. Para além disso:

  • Ajuda a melhorar a estrutura óssea em caso de osteoporose;
  • Diminui o risco cardiovascular (graças ao seu perfil lipídico positivo, baixo colesterol e fatores de coagulação sanguínea)
  • Diminuição da secura vaginal

Infelizmente, e tal como acontece com a maioria das vitaminas existentes no nosso corpo, os seus níveis no sangue tendem a diminuir com a idade. Durante a menopausa, o ritmo desta diminuição é acelerado, tornando-se extremamente difícil a sua manutenção no organismo.

O que acontece quando temos falta de Vitamina E?

Níveis fracos de Vitamina E podem acarretar sintomas neurológicos, incluindo alterações no equilíbrio e coordenação, lesões nos nervos, fraqueza muscular e lesões na retina.

Fontes de Vitamina E

A boa notícia é que, embora pareça que os timings do corpo humano estão a trabalhar contra si, existem várias coisas que pode fazer para evitar a falta de Vitamina E e contornar esta redução natural! Na sua origem, sintetizada unicamente pelas plantas, continua a poder encontrá-la nos produtos vegetais, cujas principais fontes são os óleos de origem vegetal (amendoim, soja, palma, milho, cártamo, girassol, etc.) e, com menor expressão, as sementes e grãos de cereais.  Incluir estes alimentos na sua dieta poderá fazer milagres pelo seu organismo, evitando a deficiência dos seus níveis.

Tome nota da lista de compras a ter sempre à mão:

  • Óleo de Gérmen de Trigo
  • Sementes de Girassol
  • Amêndoas
  • Óleo de avelã
  • Amendoim
  • Abacate
  • Pimentão doce
  • Manga
  • Kiwi
  • Azeite
  • Manteiga de Côco

Outros artigos sugeridos

Como perder barriga na menopausa

Pele & nutrição

Como perder barriga na menopausa

O período da menopausa na vida da mulher traz um grande risco de ficar com sobrepeso e obesidade devido às alterações hormonais que ocorrem no corpo. Descubra como evitar isso!

ler artigo

Alimentação na menopausa

Pele & nutrição

Alimentação na menopausa

A menopausa afeta as mulheres com uma série de sintomas incontroláveis. Seguir uma alimentação saudável na menopausa pode reduzir estes sintomas.

ler artigo

go to top

Skinconsult

DIAGNÓSTICO DE PELE BASEADO NUM ALGORITMO DE ENVELHECIMENTO DESENVOLVIDO COM DERMATOLOGISTAS E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

1 minuto
para analisar
a tua pele

Tira uma selfie

Preenche o perfil

Descobre a tua rotina de skincare personalizada

Linhas finasA tua força
Rugas dos
olhos
A tua prioridade
Falta de firmeza

Faz um
Diagnóstico de pele

circle1circle2circle3circle4